Em três meses, Câmara de Barra do Garças devolve 280 mil reais para Saúde

Em três meses, Câmara de Barra do Garças devolve 280 mil reais para Saúde
O valor é fruto da política de economia imposta pelo presidente João Rodrigues
Da Redação/Ronan de Sá

A prefeitura de Barra do Garças recebeu o retorno financeiro da Câmara Municipal nos últimos três meses de 280 mil reais, e que estão sendo usados para ajudar o Executivo no combate a pandemia do novo coronavírus.

Conforme informou o presidente da Câmara Municipal, João Rodrigues de Souza (Republicano), o Dr. Joãozinho o repasse aconteceu em três momentos, o primeiro um de 100 mil reais, depois um de 50 mil e agora por último no dia 23 de junho, mais 130 mil que estão ajudando a Administração combater o covid-19.

Os dois primeiros repasses foram utilizados para aquisição e distribuição de cestas básicas às famílias que estão em condições mais precárias. “A Câmara de Vereadores está economizando onde pode para sobrar dinheiro e ajudar a sociedade de Barra do Garças. A destinação é exclusiva para Saúde e Ação Social, claro o prefeito é quem dosa o gasto o dinheiro e assim está fazendo”, disse o presidente.

Além da economia na Câmara Municipal, o presidente João Rodrigues, tem articulado reuniões políticas em Cuiabá, por exemplo, quando uma Comissão de vereadores esteve no último dia (18), com governador Mauro Mendes, e com os deputados Max Russi e Dr. Eugênio para tratar da situação de Barra de Garças, e cidades vizinhas que utilizam a saúde no município.

O assunto muito discutido na reunião com Mendes, foi a urgência da construção de um hospital de Campanha para tratar exclusivamente a questão indígena, onde vários xavantes já foram testados positivos para covid, e alguns já perderam a vida. Joãozinho aproveitou a ocasião, para pedir ao governador que mais leitos de UTI bem como a destinação de profissionais para o setor. “Recebemos pessoas do Araguaia e também de Goiás, precisamos neste momento reforçar nossa estrutura”, ressaltou.

O governador Mauro Mendes, disse que o Estado está tomando todas as medidas e sua equipe técnica está atenta para a questão da pandemia, como a compra de novos respiradores e também a construção de um hospital de campanha na região do Araguaia para atender a população indígena. Mas que o maior desafio é a contratação de equipes médicas, que tem se apresentado como um grande desafio no momento.

Estiveram presentes os vereadores Celson Souza (PL), Geralmino Alves Rodrigues Neto – Dr. Neto (PSB), Francisco Cândido da Silva – Garrinha (Pros), Valdei Leite Guimarães – Pebinha (MDB) e o presidente João Rodrigues (Republicano).

D TARTAS