Por comorbidade leve, Emanuel não é vacinado e terá que aguardar

Por comorbidade leve, Emanuel não é vacinado e terá que aguardar

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) não conseguiu ser vacinado contra covid-19 na manhã desta segunda-feira (17), mesmo sendo hipertenso, como estava previsto. Ele foi até o ponto de vacinação no Senai, mas foi constatou no lugar que seu caso de hipertensão era leve e não se enquadrava nos critérios de prioridade estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

O chefe do executivo municipal afirmou que preferiu não seguir adiante, pois estaria furando fila e passando mau exemplo à população de Cuiabá.

“O meu quadro é leve e não encaixa na prioridade estabelecida pelo Ministério da Saúde. Então, diante disso, eu tô cancelando. Não sou eu que vou furar fila, não sou eu que vou dar mau exemplo. Vou aguardar a minha vez para vacinar”, disse Emanuel.

O prefeito aproveitou a ocasião para anunciar que está trabalhando junto com a Secretaria de Saúde para elaborar um cronograma completo da vacinação em Cuiabá.

A ideia é permitir que as pessoas já tenham uma ideia de quando conseguirão se vacinar contra a covid-19, algo que segue difícil de calcular devido à inconstância do Ministério da Saúde na destinação de novas doses.

admin